Descubra como aumentar suas vendas com tecnologia

O período em que vivemos acelerou transformações importantes no varejo. Uma delas é a capacidade de entregar ao cliente seu produto, independentemente do canal utilizado por ele para a compra. Consumidores cada vez mais conectados exigirão que suas marcas preferidas também ofereçam experiências digitais diferenciadas.

Neste momento, muitos clientes experimentaram inúmeras novidades digitais pela primeira vez, como compras pelo Whatsapp, o próprio lançamento do PIX que facilitou as transações financeiras, aplicativos de entrega de produtos e, é claro, o grande crescimento do e-commerce.

Na vanguarda de experiências únicas, há um conceito muito difundido como a nova fronteira de experiências ao cliente, que é o Omnichannel ou omnicanalidade, em uma tradução livre. Basicamente, permite a clientes uma série de experiências de compra, tendo como base o conhecimento da disponibilidade do produto, seja em lojas ou centros de distribuição. O compre on-line (no e-commerce) e retire na loja, a reserva do produto na loja mais próxima de casa no App, a visibilidade da última peça disponível na loja mais próxima ou localidade de preferência, a entrega a partir das lojas (quando, por exemplo, o cliente em loja não encontra o produto que deseja) e etc. são alguns exemplos das novas experiências oferecidas.

Seja bem-vindo à era da transformação digital, onde o estoque, marcas e clientes serão cada vez mais Omni.

A URGÊNCIA NA DIGITALIZAÇÃO DE ESTOQUES

Há algum tempo, já se falava em oferecer a experiência Omnichannel aos clientes. O que muitos negócios não esperavam era ter que colocar celeridade nos processos e projetos futuros, hoje.

Houve uma grande aceleração nos projetos de digitalização e o conhecimento preciso do estoque está no centro de todo o processo logístico envolvido. Iniciativas de Omnichannel sem a acurácia de estoques geram uma perda de performance e principalmente, geram insatisfação nos clientes.

A adoção do RFID permite a digitalização dos estoques, a níveis de acurácia superiores a 99%, algo impensável com a tecnologia de código de barras.

RFID E OMNICHANNEL

Através de inventários constantes automatizados em lojas, varejistas passam a elevar a acurácia de estoques, da média atual de 70% para níveis de 99%. Isso significa uma completa mudança na capacidade do varejista de compreender seu estoque e oferecer o melhor serviço ao cliente.

Essa acurácia de estoques passa a ser a infraestrutura básica para todas as demais experiências possíveis, dentro do conceito de omnicanalidade. Atividades como expedições, recebimentos, transferências, conferências, busca de produtos e inventários são executadas com mais agilidade, com eliminação de erros advindos de intervenção humana e consequentemente, menos custos. A identificação de discrepâncias, de erros ou furtos reduz drasticamente as perdas e há uma maior velocidade na tomada de decisão.
Adicionalmente, elimina-se ou reduz-se a ruptura em piso de vendas através de reposições constantes, com grande potencial de aumento em vendas.

O que se pode afirmar é que em tempos em que a busca por produtos no varejo é majoritariamente online, sabe-se que a orquestração dos estoques nos diferentes canais que a tecnologia RFID proporciona é fundamental para a performance das vendas.

E você? Já sabe como digitalizar seus estoques e oferecer uma melhor experiência a seus clientes?

Para saber mais acesse: www.rfidccrr.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *